Como Aumentar a Conversão e Vender Mais em Marketplace e Ecommerce

dicas-de-conversão

Se você possui uma loja online, seja ela dentro de um marketplace ou no seu próprio ecommerce, você provavelmente está sempre tentando impulsionar suas vendas. Certo? Veja a seguir 10 dicas de como aumentar a conversão do seu negócio!

Mas.. antes disso, vamos relembrar, o que é conversão? É sempre que um cliente ou visitante efetua uma compra ou se inscreve em algum formulário de promoção, por exemplo. Sendo assim, a taxa de conversão é a porcentagem do total de visitantes que executaram alguma ação.

Agora você deve estar se perguntando sobre qual é a melhor taxa de conversão. E eu te digo para não se preocupar tanto com isso. Porque o importante é sua conversão ser melhor do que é agora. Ou seja, você precisa estar sempre superando suas metas, ok?

Entenda mais sobre o que é taxa de conversão e como calcular no seu ecommerce com este artigo aqui.

Preparado para as dicas? Preste atenção em cada detalhe e, em seguida, comece a colocar em prática e veja os resultados aparecerem ;)

10 Dicas para Aumentar as Conversões do seu Ecommerce

1. Converta aos poucos

Você sabia que 90% dos visitantes da sua loja ainda não estão prontos para comprar? Demora um tempo para construir essa confiança e convencer alguém a comprar com você.

Mas, ao invés de dizer adeus a esse 90%, você pode criar algumas conversões menores ao longo do processo, como uma inscrição de email. Mesmo que você não faça a venda imediatamente, você receberá um endereço de e-mail. Isso significa que você pode nutrí-los até que efetuem uma compra e se fidelizem a sua marca.

2. Use recomendações e avaliações

Outra maneira de quebrar essas barreiras complicadas e garantir conversões é com as recomendações e avaliações. Mostre aos seus visitantes que pessoas reais já estão usando seu produto e qual a opinião deles sobre.

Este é um dos critérios mais importantes quando o assunto é compra online. As pessoas gostam de saber a opinião dos outros antes de realizar uma compra.

Portanto, mostre avaliações e comentários de quem já comprou com você. Isso passa maior segurança para quem ainda está em dúvidas se compra ou não.

Falando especificamente do Mercado Livre, é ótimo quando um anúncio seu possui diversos comentários de pessoas que já compraram aquele produto. Isso serve de feedback para você também, pense nisso ;)

3. Boas imagens e vídeos
Sem dúvidas, as imagens de um produto fazem toda a diferença para atrair o cliente e convencê-lo de que o produto é bom.

Ao inserir as imagens, certifique-se da qualidade. Além disso, pegue imagens que mostrem de fato como o produto é, de todas as maneiras e ângulos. Opções com zoom ou visão 360 são tendência, pois o cliente consegue ter a real noção de como o produto é.

Além das fotos, você pode inserir vídeos. Vídeos curtos. Uma simples demonstração do produto ou de alguém manuseando-o já está excelente. Lembre-se que a simplicidade auxilia demais nesses momentos.

4.Pare de vender os detalhes, venda os benefícios: boas descrições 

Sem dúvidas, esse é um dos principais fatores para a relevância de um bom anúncio e, consequentemente, a conversão sobre ele. Pare de descrever seu produtos e comece a mostrar aos clientes como ele mudará sua vida.

Como assim? Ao invés de simplesmente colocar a ficha técnica do produto que você vende, mostre os benefícios deste produto. Assim, a ideia do seu comprador ficará muito mais clara e ele se convencerá muito mais fácil de que precisa do produto, porque ele possui muitas vantagens e benefícios.

Detalhes são importantes, mas não tanto quanto os benefícios.

 

5. Use bastante o e-mail marketing e as redes sociais  

Nós amamos falar sobre o e-mail marketing, porque ele realmente é um ótimo aliado na conversão em ecommerces. Você pode entender mais sobre isso aqui. Feito isso, use e-mail marketing aos seus clientes e também futuros clientes, caso eles se cadastrem em algum formulário.

Assim, você consegue criar campanhas direcionadas para o gosto de cada um ou grupo de contatos que você tiver.

Além dele, as redes sociais são fortes canais para o aumento do engajamento do cliente com a sua marca. Isso resulta em um maior número de vendas, visto que mais pessoas poderão conhecer sua marca.

Outro forte ponto para você investir são nos canais de ajuda, como chat online ou e-mail de suporte. Assim, o cliente consegue fazer perguntas e pedir ajuda, caso necessário.

Se você trabalha em marketplaces, já há um espaço para o comprador fazer perguntas. Portanto, fique sempre atento às perguntas e responda o mais rápido possível para não perder nenhuma venda.

6. Invista em design
Seu site tem apenas um único objetivo: vender produtos. Qualquer outra coisa, pode ser exagerada para o momento.

O design do seu site vai muito além da identidade visual que você pretende mostrar da sua marca. Ele está diretamente ligado às conversões, porque ele ele está muito relacionado com a experiência de compra que o visitante terá ao acessar seu ecommerce.

Analise os seguintes pontos do seu site:

  • Botões de chamada de atenção: Como eles estão dispostos visualmente? Eles realmente chamam a atenção de um possível comprador, levando-o a executar uma ação?
  • Navegação e sistema de busca: Seus visitantes conseguem encontrar facilmente o que procuram? Ter uma navegação intuitiva interfere muito para o visitante permanecer ou não no seu site.
  • Otimização para dispositivos móveis: As pessoas utilizam muito mais os smartphones do que um desktop. Portanto, ter um site responsivo é de extrema importância para a experiência de compra e para obter mais conversões.
7. Otimização SEO

Você, como vendedor de ecommerce, quer que seu site ou seus anúncios estejam sempre no topo. Portanto, invista em SEO.

SEO significa otimização dos mecanismos de busca e consiste em um conjunto de técnicas para aumentar a relevância de um site ou anúncio (diretamente em um marketplace).

Você pode aprender mais sobre isso com o nosso guia de SEO!

8. Frete Grátis
Muitas vezes deixamos de comprar alguma coisa online justamente pelo preço do frete ou pela demora para chegar o produto.

E o alto preço do frete é um dos motivos para o abandono de carrinho, segundo a e-commerce Trends 2017.

Tente adicionar entrega gratuita em alguns produtos. Isso serve como um incentivo a mais para os clientes. Sabemos que é um pouco complicado para você ter lucro dessa maneira, mas ao ajustar o preço do produto com o preço do frete, é possível. Mesmo cedendo por um lado, por outro você garante que novos clientes cheguem até você e se fidelizem a sua marca.

9. Simplifique o processo de checkout
Mais de 69% dos carrinhos de compras são abandonados antes da finalização do processo de compra.
Esse número de pessoas que estão quase finalizando e desistem da compra é muito alto. Um dos motivos para isso acontecer é a complicação no processo de pagamento. Se existem muitas etapas para preencher, os clientes começam a ficar entediados e acabam desistindo.

Onde entra seu trabalho aqui? Auxiliar o cliente a passar rapidamente por esse processo. Portanto, simplificar o pagamento é uma prioridade sua.

Para clientes que já estão logados, você pode configurar o “comprar em um clique”. Um bom exemplo disso é o marketplace da Amazon. O sistema lembra todos os detalhes, para que o cliente possa comprar sem passar pelo extenso processo de pagamento.

print-amazon

Há outro motivo pelo qual os clientes abandonam os produtos no carrinho de compras com tanta frequência: solicitação de informações em excesso. Ou seja, caso você não consiga incluir no seu ecommerce o “compre em um clique”, você pode otimizar o processo de pagamento. Tornando-o o mais fácil possível.

Dê às pessoas uma maneira mais fácil de pagar. Quanto mais informações você pede, mais provável será perder a venda.

10. Teste A/B

Após ver todas essas dicas acima, não se esqueça do teste A/B. Ou seja, sempre faça 2 opções e teste qual performa e converte melhor com seu público-alvo.

Seja um título de anúncio ou cores de uma CTA, um teste A/B pode te ajudar a decidir qual é a melhor opção.

Comece a fazer isso com cada decisão importante, e você aumentará significativamente a sua taxa de conversão. Você perceberá rapidamente que todos os pequenos aspectos do seu site afetam suas vendas. Você vai querer testar tudo!

Conclusão

Essas foram as 10 dicas que separamos para você que vende em ecommerce ou marketplace conseguir aumentar a conversão e vender muito mais!

Você pode estar pensando que essas dicas são um caminho longo, mas lembre-se que é muito melhor investir em boas e simples práticas, analisar a performance e colher os resultados posteriormente do que gastar muito em campanhas sem planejamento algum.

Além disso, após realizar algumas dessas dicas que pontuamos, você não precisará mudar muito mais adiante, apenas ajustar coisas pontuais que você note necessário, através dos testes A/B, por exemplo.

Comece já e você verá que é muito mais simples aumentar as conversões do que você imagina!

Receba dicas no seu email sobre como aumentar suas vendas nos marketplaces

Fernando Vitti

Fernando Vitti

Deixe o seu comentário